Imagina na Copa

Hoje morre un cliché. Como acabaram as piadas sem graça sobre o fim do mundo, o bug do milênio ou o fim do capitalismo com a eleição do Lula.

Não é mais necessário imaginar a copa do mundo no Brasil, que o teste final está começando agora, pra quem quiser ver. Dentro do campo, pode ser bonito. Fora, tá igual, só que mais quente. Congestionado, bagunçado, meio brincalhão, esculhambado, mas com boas intenções.

Erraram no planejamento? Claro. Nos nossos planos, sempre falta combinar com os russos.

O povo adora futebol e a maioria vai se resignar? Claro, nós somos o país dos PMDBs.

Vão acontecer milhões de erros por culpa do sistema fora do ar? Ainda estamos caminhando na informática, mas um dia, se deus quiser, tudo se conserta.

A Copa, senhoras e senhores, não é imaginação. Ela está diante dos nossos olhos.

Quem diria que a Coréia ou a África do Sul conseguiriam fazer bem feito e nós não? Só o Velho do Restelo, mas ele é português, e a gente achou que era piada.

Mas o cliché morreu, viva ele! Salve simpatia, vamos pensar em algo melhor para projetar nossas frustrações futuras.

Imagina amanhã?! Se a gente fizer alguma coisa, pode ser melhor que hoje.

De boas intenções, o Brasil está cheio.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.