Tudo junto e misturado

Aproveitei a deixa que o ACD do meu time na agência foi pro SxSW e ficou todo WTF com a série de vídeos Everything is a remix, e resolvi rever os quatro de uma vez, num domingo modorrento de concorrência.

Para quem não conhece, é IMPERIOSO que assista. São quatro vídeos curtos realizados por Kirby Ferguson explicando como a arte se baseia no mundo e nela mesma, e que nada é criado do vácuo, em termos artísticos. Para quem vive de arte, de profissões criativas, ou tem que lidar com pessoas que precisam criar o tempo todo, é material praticamente obrigatório.

O que é um remix?

O primeiro vídeo explica o conceito de remix, e como pedaços de ideias se espalham de uma criação a outra. (E ainda provam que o Led Zeppelin nem era uma banda tão original assim).

O segundo vídeo mostra os fios que conectam várias ideias

Adaptações, remixes, ideias reutilizadas estão em todas as partes. Em Hollywood, na literatura, na música. Este vídeo tenta definir quais são as mudanças legais e as ilegais. E po, principalmente cinema. Pessoalmente, adoro o assunto, e o fato de ter citado Joseph Campbell aqui mil vezes já deve ter mostrado, não?

Criação exige influência, e por isso podemos subir nos ombros de gigantes para fazer obras melhores (e esta frase não é originalmente de Newton, btw).

O terceiro vídeo discute criatividade, ferramentas e materiais

Criatividade não é mágica. Vários elementos são necessários, e um dos mais importantes dele é a cópia. Só podemos fazer algo novo depois da cópia. Você sabia que Hunter S. Thompson digitou O Grande Gatsby INTEIRO? Algo bem Borges, não?

Os grandes elementos da criatividade são cópia, transformação e combinação. A originalidade vem sempre daí.

Aí sempre aparece um advogado pra foder tudo

O quarto vídeo é sobre a propriedade intelectual, como as leis surgiram e como elas podem estar, ao invés de fomentando a criação, destruindo a criatividade em campos como a tecnologia e a criação de software.

Em resumo, uma série importantíssima, e um trabalho que não poderia ser feito se não houvesse a internet e a sociedade da informação. Aproveitem.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.